fbpx

É uma grande injustiça falar da Irlanda e, principalmente, de Dublin e não escrever um post sobre o Temple Bar, que é um pequeno bairro com uma enorme concentração de pubs, artistas de rua e atrativos culturais diversos. Como muitas pessoas me cobraram um post dedicado a este lugar, onde várias tribos se encontram na Ilha Esmeralda, é com prazer que volto a falar desse destino fascinante.

Uma coisa que quase todos que visitam Dublin sabem é que o Temple Bar tem a maior concentração de pubs e restaurantes da Irlanda. Por lá você chega a ver dois ou mais pubs um do lado do outro. E o melhor é que você não paga para entrar em nenhum deles. Se não estiver gostando de um, pode ir para o outro em menos de 1 minuto.

E antes de seguir com o post, vale lembrar que existe o bairro Temple Bar e o pub Temple Bar, mas vou falar disso mais adiante.

Planeje sua viagem

Tudo sobre o Temple Bar em Dublin

A história do Temple Bar

O Temple Bar é hoje um centro cultural preservado pelo governo irlandês, além de ser um dos principais cartões postais de Dublin. Mas nem sempre foi assim.

Tendo aparecido nos mapas da cidade apenas no final do Século XVII, algumas pessoas dizem que o bairro tem esse nome por causa da família “Temple” que viveu por lá nessa mesma época.

Com o passar do tempo, o Temple Bar entrou em decadência, afastando qualquer interesse de ocupação comercial ou investimento por lá. Isso culminou em uma tentativa da empresa estatal de transportes, Córas Iompair Éireann, de transformar o local em um grande terminal de ônibus, isso já na década de 80. Contudo, protestos dos moradores locais levaram o governo irlandês a cancelar o projeto e preservar o bairro.

Mal-assombrado => Conheça o lado sombrio de Dublin

Dia de sol no Temple Bar.
Outro dia de sol no Temple Bar.

Onde fica o Temple Bar

O bairro Temple Bar fica no centro de Dublin, mais precisamente em Dublin 2, que é uma das zonas centrais do lado sul da cidade.

Ele é limitado pelo Rio Liffey ao sul, pela Dame Street ao norte, com o Trinity College a oeste, enquanto a Christ Church fica a leste.

O bairro fica muito próximo ao Castelo de Dublin (Dublin Castle) e de avenidas famosas como a Henry Street, Grafton Street e O’Connel Street.

Como chegar no Temple Bar

Não é difícil chegar ao Temple Bar, sendo que o mais complicado é chegar de carro, já que dificilmente você vai encontrar uma vaga para estacionar dentro do bairro, onde quase não há vagas ou estacionamentos.

Aplicativos de transporte ou táxi podem deixar você dentro do bairro, mas dependendo de onde você estiver indo, sai bem mais barato pegar um ônibus ou o Louas, que são os trens urbanos de Dublin.

De transporte público, seja de ônibus ou de de trem, é só pegar qualquer um que vá para pare no centro. Dê preferência para os que param próximo ao Trinity College ou ao Dublin Castle, que são as melhores referências próximas ao Temple Bar. Daí é só se localizar por um mapa, pelo Google Maps em seu celular, ou perguntar para qualquer um na rua ou no comércio que eles te ajudarão a se localizar.

Clique aqui para agendar os melhores tours de Dublin

Um local frequentado por turistas

Nos dias de hoje, é comum encontrar pessoas de todas as nacionalidades nas ruas do Temple Bar, as quais ainda conservam suas características medievais, sendo estreitas e com calçamento em pedra.

Buskers.
Buskers, os famosos artistas de rua, em uma noite de pouco movimento no Temple Bar.

É um bairro frequentado por turistas, os quais procuram desde roupas até os mais tradicionais pubs irlandeses. Os moradores de Dublin costumam dizer que os verdadeiros pubs irlandeses se encontram longe do Temple Bar, onde você realmente vai conhecer a tradicional música irlandesa.

Prefiro não discutir esse ponto de vista, até porque eles têm um pouco de razão ao falar assim. Porém, muito pub interessante pode ser encontrado por lá, além de boa música irlandesa e muito rock’n roll.

Vai Viajar e precisa de internet 100% do tempo no seu celular?

Ter internet é essencial para usar aplicativos como Uber e Google Maps, além de conversar no WhatsApp e postar aquela foto no Instagram.

Na America Chip você pode comprar chip com acesso a internet no exterior e recebê-lo em casa, com conexão 4G garantida em diversos países.

QUERO O MEU CHIP >>

Pubs interessantes do Temple Bar

Aqui vai uma lista de pubs interessantes do Temple Bar e os links para outros posts onde eu falo dos melhores pubs de Dublin.

Oliver Saint John Gogarty, com boa comida tradicional irlandesa e música típica ao vivo.

Hospede-se no hotel do Oliver Saint John Gogarty

Hard Rock Café, com muito rock’n roll e um cardápio muito interessante.

The Quay´s Bar, sempre cheio e destino certo para os apaixonados pelo rock. Costuma estar sempre cheio de irlandeses nos finais de semana.

The Quay's.
A entrada do The Quay’s Bar.

Fitzsimons, cheio de turistas e estudantes espalhados pelos vários ambientes do pub, que tem um terraço com uma vista incrível.

Hospede-se no hotel do Fitzsimons

Porterhouse, famoso por produzir a própria cerveja e ser um dos melhores espaços para se curtir um rock’n roll em Dublin.

Temple Bar Pub

Não posso deixar de falar do pub mais famoso de Dublin, o Temple Bar Pub, um lugar que está sempre cheio de pessoas do mundo todo, além de nativos de várias idades.

Ele é conhecido por ter música ao vivo todas as noites. O mesmo é dividido em vários ambientes, o que favorece a escolha do que fazer, seja sentar, beber e comer, apenas beber ou então ficar de pé em frente ao palco se divertindo com a banda que estiver tocando.

Recomendo => Tour com degustação na cervejaria Rascals

Temple Bar.
Eu sentado em um dos banquinhos em frente ao Temple Bar Pub.

O que fazer no Temple Bar

Food Market

Fugindo um pouco dos pubs, vale a pena conhecer o Food Market. Essa é uma feira de produtos alimentícios que acontece todos os sábados no Meeting House Square, uma pequena praça famosa por abrigar eventos culturais diversos, a qual é cercada por prédios.

Nesse mercado é possível encontrar alimentos frescos in natura, como vegetais e carnes, além de comidas prontas como crepes, salgados e tortas vegetarianas, sanduíches e churrasquinhos (espetinhos).

Falando em churrasquinho, não se assuste caso você veja uma placa indicando a venda de churrasquinho de carne de cavalo. O mais interessante é que essa não é uma carne muito consumida por lá, tanto é que uns nativos se assustaram quando eu disse que tinha comido isso no almoço.

Natureza e história => Tour para Cliffs of Moher, Burren e Galway

Temple Bar Food Market @ Meeting House Square from Temple Bar Cultural Trust on Vimeo.

Irish Film Institute

Para quem gosta de cinema, o Irish Film Institute (IFI) é uma boa pedida. O IFI é um centro cultural voltado para a sétima arte, com exibição de filmes comerciais e cults, além de ser um espaço destinado à preservação da memória do cinema.

Não posso negar que era meu cinema preferido, já que dentro do seu prédio há uma lanchonete/restaurante anexo, onde são servidas boas cervejas na pressão.

Sabia que o seguro viagem é essencial para a sua segurança no exterior?

Além de ser obrigatório nos países da Europa, a imigração de qualquer país pode solicitar o documento para permitir ou negar sua entrada.

Faça uma cotação online na Seguros Promo, comparando o preço nas melhores seguradoras.

Aproveite e ganhe até 5% de desconto usando o cupom VOUNOMUNDO5.

FAZER COTAÇÃO >>

Button Factory

E pra quem gosta de teatro, bem próximo do IFI está a Button Factory, uma casa de shows que também funciona como teatro, além de ter alguns ambientes internos que servem de pubs.

Temple Bar em Dublin.
O pub Temple Bar em Dublin.
foto: Divulgação.

Festivais

Ao longo do ano o Temple Bar recebe diversos festivais, sendo que muitos deles costumam atrair turistas do país inteiro e, em alguns casos, de todo o mundo, como o St. Patrick’s Day.

Veja abaixo os principais eventos que acontecem no Temple Bar:

  • Janeiro – O TradeFest Temple Bar é um evento musical que acontece em diversos estabelecimentos desse bairro, inclusive em edifícios importantes de cidade como o Dublin Castle e o City Hall.
  • Março – esse é o mês do mais famoso festival irlandês, o St. Patrick’s Day, que é uma festa em celebração ao santo padroeiro da Irlanda, o São Patrício. Ela não acontece exatamente no Temple Bar, mas o desfile que marca a festa passa pela Dame Street, além dos pubs locais ficarem lotados de pessoas bebendo e festejando.
  • Maio – Dublin Dance Festival é um evento que reúne diversas companhias internacionais de dança, além de coreógrafos do mundo todo que se juntam nesse festival.
  • Junho – é o mês do Dublin LGBTQ Pride, que é considerada uma das paradas LGBTQ mais famosas de toda Europa. As celebrações acontecem durante toda a semana.
  • Setembro – um dos últimos festivais de rua a acontecer em Dublin antes da chegada do outono e inverno é o Dublin Fringe Festival, um festival de performances artísticas de rua que toma conta da cidade inteira.
  • Outubro – entre o final de setembro e início de outubro acontece o Dublin Theatre Festival, que reúne diversos artistas cênicos e peças consagradas em um festival que é realizado em todos os teatros da cidade. Outubro também é mês do Bram Stoker Festival, dedicado ao famoso escritor irlandês que tem Drácula como seu principal romance. São diversas performances artísticas, cênicas e literárias que acontecem em diversas intervenções por toda a cidade.

Passeio => Explore Dublin de barco

Temple Bar Square

Temple Bar.
Um dia de sol na Temple Bar Square.

A Temple Bar Square é uma pequena praça em meio aos estabelecimentos do Temple Bar, a qual é cercada por bares e restaurantes.

Artistas de rua costumam se apresentar nos arredores dessa praça, que costuma estar cheia de pessoas de todas as idades.

O que comer no Temple Bar

Não existe um prato que seja típico do Temple Bar, nem mesmo alguma comida de rua que seja mais consumida ou se destaque por lá. A diversidade é tão grande que você vai encontrar praticamente qualquer prato das cozinhas mais famosas do mundo.

Gastronomia => Tour gastronômico com degustação de comida e bebida

Pizzas

Talvez essa seja, em termos de fast food, a comida mais comum de toda Dublin, ao lado dos Kababs que estão por todas as partes. No Temple Bar você vai encontrar pizzarias com apenas um balcão para você pegar suas fatias de pizza e comer na rua, bem como pizzarias propriamente ditas onde você pode se sentar e comer com calma.

Dentre estas, algumas das mais famosas são:

Sanduíches

Quer fast food mais famoso que um hambúrguer ou cachorro quente? Pelo menos no Brasil é o que estamos mais acostumados em relação Às comidas e lanches rápidos.

Mas na Irlanda os sanduíches também são bem famosos e muito consumidos, mas quase não vemos carrinhos, barraquinhas ou food trucks vendendo essas comidas nas ruas de Dublin ou mesmo no Temple Bar.

Dentre as lanchonetes mais famosas estão:

Whiskey => Tour e degustação na destilaria Teeling Whiskey

Kebabs

E já que falei em comida, vale lembrar que podem ser encontradas várias casas de kebab por lá. Kebabs são pratos compostos por carne fatiada, geralmente acompanhadas de saladas e molhos picantes e ácidos. Eles não são muito comuns no Brasil, mas são uma febre na Europa, além de serem considerados por muitos uma comida de fim de noite.

Dentre todos os kebabs que eu comi na Irlanda, o melhor que eu pude encontrar foi no Zaytoon, na unidade que fica em frente ao Porterhouse Temple Bar. Em Dublin, esse é meu fim de noite preferido.

U2 e o pub The Kitchen Nightclub

Antes que perguntem alguma coisa sobre o U2, o pub The Kitchen Nightclub é onde a banda costumava se apresentar no início de sua carreira. Hoje em dia ela pertence ao Bono e ao Edge, o que leva muitos turistas a procurarem o lugar na esperança de encontrar um dos dois por lá.

Eu não consegui e nem conheço quem tenha conseguido. Mas independente desse fato, esse é um pub como outros pubs do Temple Bar: muita cerveja, música, amantes do rock e pessoas afim de uma noite de descontração.

Vale a pena se hospedar no Temple bar?

Os hotéis no Temple Bar, em média, costumam ter diárias um pouco mais caras que em outros pontos da cidade, mas o preço não é tão mais elevado assim.

Para os que pretendem não andar muito e concentrar suas atividades na região central de Dublin, talvez seja uma boa se hospedar na região do Temple Bar.

Divertido => Tour pelas ruas mal-assombradas de Dublin

Por lá os hostels costumam ter bons preços, qualidade e conforto, mas existe sempre o problema do barulho, já que a região é muito movimentada, com pessoas bebendo o dia todo e noite adentro.

De qualquer forma vale a pena fazer as contas do que você economizaria se hospedando em um lugar mais afastado do centro e do quanto gastaria a mais com deslocamento.

Hotel mais luxuoso: Temple Bar Hotel

Hotel de preço médio: Oliver St. John Gogarty’s Hostel

Hotel mais barato: Abigail’s Hostel

Booking.com

Temple Bar ao vivo

Se você quiser ter uma noção de como fica o Temple Bar durante qualquer hora do dia, existe uma câmera transmitindo imagens ao vivo.

Ela está apontada para o Temple Bar Pub e fica ao vivo 24h por dia, todos os dias. O mais interessante é observar o movimento durante o dia, quando as pessoas estão mais comportadas, e comparar com a noite e madrugada, quando os transeuntes estão mais bêbados e descontraídos.

O site que exibe as imagens dessa câmera se chama EarthCam e também exibe imagens de diversas outras cidades no mundo.

Para os mais nostálgicos, esse site é uma excelente forma de matar a saudade do Temple Bar.

De bar em bar => Pub Crawl em Dublin

Pontos turísticos próximos ao Temple Bar

O bairro Temple Bar é um ponto turístico em si, mas é bom destacar que existem diversas outras atrações turísticas ao seu redor. A maioria delas vale muito a pena visitar.

Se você tem poucas horas ou poucos dias para aproveitar a cidade e pretende passar a maior parte do tempo curtindo os pubs, eu sugiro que você visite pelo menos um ponto turístico diferente do Temple Bar. Tem sempre alguma coisa que pode te agradar.

Aqui no Vou no Mundo eu tenho vários artigos sobre Dublin e sobre a Irlanda. Espero que eles possam te ajudar.

Veja os pontos turísticos próximos ao Temple Bar e suas distâncias a partir da Temple Bar Square:

  1. Olympia Theatre (300m)
  2. City Hall (400m)
  3. Dublin Castle (600m)
  4. Leprechau Museum (450m)
  5. The Book of Kells / Trinity College (400m)
  6. St. Stephens Green (850m)
  7. Guinness Storehouse (1,9 Km)
  8. Christ Church (650m)
  9. St. Patrick’s Cathedral (1,2 Km)
  10. Phoenix Park (5,0 Km)
  11. Spire of Dublin / Monument of Light (700m)
  12. O’Connel Bridge (350m)
  13. Samuel Beckett Bridge (1,6 Km)
  14. Grafton Street (550m)
  15. National Gallery (1,0 Km)
  16. Prisão Kilmainham (Kilmainham Gaol) (,1 Km)
  17. Croke Park (2,4 Km)
  18. Glasnevin Cemitério e Museu (3,6 Km)
  19. Museu Nacional da Irlanda (1,4 Km)
  20. Powerscourt Townhouse Centre (400m)
  21. The Brazen Head – o pub mais antigo da cidade (950m)

Conclusão

No fim das contas o Temple Bar é uma mistura de muitas das coisas que podem ser encontradas na Irlanda. É um lugar voltado para um público cosmopolita de todas as idades, mas que não se resume apenas a isso, já que também é um bairro residencial. E, para completar, essa é uma área onde são realizados vários festivais ao longo do ano, os quais merecem inclusive um post à parte.

Não se esqueça de registrar o Temple Bar nas suas fotos de Dublin, mas divirta-se em primeiro lugar.

Ah, lembre-se que é proibido beber nas ruas da Irlanda e, no mais, have fun!


PLANEJE AQUI A SUA VIAGEM!

  • SEGURO VIAGEM: Seguro de viagem com desconto para leitores do blog!
    Faça sua cotação na Seguros Promo para encontrar o seguro viagem com melhor preço. Leitores do blog tem 5% de desconto, além de poder parcelar o cartão em até 12x ou no boleto bancário, que dá mais 5% de desconto! Veja mais aqui.
  • HOTEL: Encontre promoções e reserve seu hotel em Dublin pelo nosso parceiro Booking.
  • ALUGUEL DE CARRO: Pesquise pelo menor preço em todas as locadoras de uma só vez através da RentCars. Eles possuem escritório no Brasil com atendimento em português, dividem em até 12x no cartão ou com 5% de desconto no boleto e você é cobrado em Reais.
  • VOCÊ CONSEGUE FICAR SEM CELULAR?: Não deixe de sair do Brasil já com o seu chip internacional pré pago com internet boa de verdade, para usar em 200 países. Conheça a America Chip.
  • PROBLEMAS COM SEU VOO?: Se você teve seu voo cancelado, atrasado, perdeu sua conexão ou teve sua bagagem extraviada ou danificada, a Resolvvi pode ter ajudar a solucionar esse problema sem sair de casa. Conheça a Resolvvi.
  • INGRESSO SEM FILA: Não perca tempo durante sua viagem enfrentando filas nas principais atrações turísticas do mundo. A GetYourGuide é um site de compras de ingressos online onde você pode comprar seus ingressos antecipados para atrações nas principais cidades do mundo e ainda não precisa enfrentar as filas quilométrica que costumam existir nesses locais.
error: Conteúdo protegido.